Austrália se prepara para reconhecer Jerusalém como capital de Israel

A Austrália deve reconhecer formalmente Jerusalém como a capital de Israel, segundo anunciou a emissora estatal de TV australiana SBS. A emissora citou o jornal local The Australian, para afirmar que a decisão deve ser ratificada pelo gabinete em reunião prevista para hoje, após aprovação pelo comitê nacional de segurança do país.

A decisão deve ser anunciada formalmente amanhã. Em outubro, o novo primeiro-ministro australiano, Scott Morrison, disse estar “aberto” para transferir a embaixada de seu país para Jerusalém. “No entanto, a embaixada não será transferida de imediato de Tel Aviv para Jerusalém”, segundo a emissora. Num primeiro momento, um escritório consular será aberto. Isso devido ao custo, avaliado US $ 200 milhões, para a transferência, segundo informou a emissora. A iniciativa segue decisão dos EUA, em dezembro do ano passado, e, depois, da Guatemala, em maio.