Conib recebe apoio do American Jewish Committee, de inúmeras lideranças e de diversas instituições

Inúmeras manifestações de apoio à Conib e ao seu presidente, Fernando Lottenberg, continuam a chegar, depois que a coluna da jornalista Monica Bergamo, na Folha de São Paulo, publicou críticas do embaixador de Israel, Yossy Shelley, à independência política da instituição.

A Conib recebeu a seguinte carta de solidariedade, em nome do Access e do Instituto Latino e Latino Americano do American Jewish Committee, assinada por Daniel Gerstler e Ilan Cuperstein, co-chairmen do Access Brasil, Dina Siegel Vann, Diretora do Instituto Latino e Latino-americano, AJC e Mario Fleck, Chair do Instituto Latino e Latino-americano, AJC. Diz o documento:

“Diante de recentes críticas sem fundamento ao Presidente da CONIB, o American Jewish Committee (AJC) e seu grupo de jovens líderes no Brasil, ACCESS BRASIL, manifesta a nossa solidariedade ao Fernando Lottenberg.
Numa sociedade como a brasileira, o respeito, reconhecimento e, acima de tudo, o acolhimento da pluralidade deve ser um valor central. No AJC, esse valor norteia a nossa missão. Assim sendo, a chancela de todas as diversas visões é tarefa das lideranças comunitárias – pois, como em qualquer sociedade democrática, judeus e brasileiros guardam entre si posicionamentos políticos dispares, tornando a missão de representá-los uma habilidade complexa e delicada.

Dessa forma, justamente pelo respeito à diversidade, é que a reverência às nossas autoridades públicas é primordial, mas que nem por isso deve resultar numa submissão automática a cada palavra, decisão e posicionamento dos políticos que, momentaneamente, ocupam esta honrosa posição. Acreditamos que essas decisões e posicionamentos devem sempre estar sob o escrutínio público, e, neste caso, analisadas e avaliadas do ponto de vista dos valores judaicos. Diplomacia não é sinônimo de subserviência, e apoio não implica em irresignação muda com o que é criticável.

O Presidente da CONIB Fernando Lottenberg tem cumprido a sua missão com ponderação, elegância, diplomacia, e inteligência, guiado pelos valores do judaísmo. Zela pela união e pelo bem-estar da nossa comunidade, multiplica a abertura de espaços de participação para jovens nas instituições judaicas, e trabalha pelo fortalecimento das relações bilaterais entre Brasil e Israel. Ressaltamos o nosso apoio, reconhecimento, e admiração ao Fernando Lottenberg, o qual luta sobremaneira para que nada se sobreponha à unidade comunitária e o senso de fraternidade entre os judeus brasileiros da diáspora e o Estado de Israel”.

O Rabino Guershon Kwasniewski, da SIBRA, de Porto Alegre, disse: “A SIBRA parabeniza a CONIB por motivo da 50ª Convenção Nacional, cumprimenta e apoia o seu Presidente, Dr. Fernando Lottenberg, na determinação e orientação da entidade mãe do judaísmo no Brasil. Na mesma hora lamentamos profundamente a intromissão do Sr. Embaixador de Israel em assuntos internos da comunidade. Recentemente, em visita a Porto Alegre, coloquei para o embaixador meu parecer sobre as suas atividades em nosso país, o que acabou gerando um desentendimento entre nós. Vejo hoje que são muitos os que pensam e enxergam a mesma realidade. Seguiremos juntos e firmes com a CONIB na luta de qualquer tipo de intolerância, seja fora ou dentro da comunidade judaica?

O Secretário Municipal de Inovação e Tecnologia de São Paulo, Daniel Annenberg, enviou a seguinte mensagem: “Por meio desta nota gostaria de expressar meu profundo respeito à história da Confederação Israelita do Brasil (CONIB) que traduz, de forma ampla, os valores e a identidade da comunidade judaica. Trajetória esta marcada pelo combate ao antissemitismo e à intolerância de todas as matizes. Gera consternação acompanhar as discussões públicas que colocam em jogo seu papel fundamental e visam enfraquecer nossa comunidade.

A quem interessa a aplicação desta estratégia que remonta aos tempos antigos e visa ‘dividir para conquistar’?
Minha total solidariedade ao presidente da CONIB, Fernando Lottenberg, que de forma íntegra vem propondo diálogos baseados na transparência e na pluralidade. Que, superando a polarização atual do país, tem conseguido reunir lideranças de diferentes correntes políticas e religiosas em torno de ideais comuns. E proposto, de forma construtiva, o debate aberto sobre projetos e propostas que façam nosso país prosperar enquanto nação”.

A Professora Doutora Senior da USP, Roseli Fischmann, afirmou:

“Dr. Fernando Lottenberg

Permita-me cumprimentá-lo pelo posicionamento importante que a CONIB tem tomado, tendo você à frente como liderança.

Nosso País vive momento muito delicado, que não nos permite vacilar quanto ao caráter indispensável da defesa da democracia e de suas instituições, e quanto aos riscos de qualquer aventura totalitária, que se inicia pelo autoritarismo sem pudores e vai em direção à destruição dos valores que nos são mais caros, como a dignidade humana, a liberdade, a igualdade.

Lendo a notícia trazida pela coluna da Folha de S. Paulo, que o Embaixador de Israel falhou em seu papel, digamos, diplomático, de olhar o Estado brasileiro, sua Constituição, e a relação do Estado de Israel com esse Estado, fundado em História e não em arroubos autoritários, de direção errática, de ocupantes temporários do governo, senti-me obrigada a me manifestar em apoio à CONIB que tão bem nos representa, assim como à sua gestão, com a qual já tive a honra de colaborar em assuntos de minha especialidade (…)”.

A Conib, diante das muitas manifestações de apoio, segue convicta na missão de defender e representar uma comunidade judaica de forma plural e democrática.