Documentário conta a história do criador da Universal Studios que ajudou a salvar 300 famílias judias da Alemanha nazista

Carl Laemmle, imigrante judeu-alemão que fundou a Universal Studios e lutou para resgatar 300 famílias judias da Alemanha nazista, é tema de novo documentário exibido neste domingo (10) no Festival Internacional de Cinema Judaico de San Diego e no Festival de Cinema Judaico de Denver.

Responsável por lançar no cinema personagens que marcaram época, como Drácula e Frankenstein, Carl Laemmle trabalhou na década de 1930 para salvar judeus do nazismo, apesar da oposição do Departamento de Estado dos EUA. Acredita-se que ele tenha resgatado mais de 300 famílias judias da Alemanha nazista.

“Ele foi um verdadeiro herói americano”. “E eu precisava contar essa grande história para o mundo”, disse o diretor do documentário, James Freedman.

Laemmle ficou conhecido por seus filmes sobre monstros – e por incluir familiares em seus filmes.

Freedman entrevistou a sobrinha de Laemmle, Rosemary Hilb, e a bisneta Antonia Carlotta. Também há imagens da sobrinha de Laemmle, Carla Laemmle, que teve um papel em “Drácula” e morreu aos 104 anos em 2014.

Freedman também localizou alguns dos refugiados do Holocausto resgatados por Laemmle, incluindo Werner Maas, professor emérito da Faculdade de Medicina da Universidade de Nova York.

“Fiquei surpreso que alguém pudesse estar tão interessado em nosso destino”, diz Maas no filme. Tanto ele como sua mãe, Emma Maas, foram para os EUA graças a Laemmle.

A Fundação Shoah forneceu imagens de arquivo, e Freedman disse que o filme foi financiado “em grande parte” por meio de uma doação da Fundação Righteous Persons, apoiada por Steven Spielberg.

Spielberg e Universal estão ligados na história do cinema através de filmes como “Jaws” e “E.T. o Extra-Terrestre ”- assim como a“ Lista de Schindler”, cujo heroísmo do Holocausto, protagonizado por Oskar Schindler, na década de 1940, é comparado ao que Laemmle fez para salvar judeus nos anos de 1930 (Rich Tenorio, Times of Israel).