24 de setembro de 2017 English Español עברית

Conib Logo

Congresso Judaico Mundial: unidade judaica é fundamental na luta contra o antissemitismo

12 Set 2017 | 11:32
Imprimir

O Comitê Executivo Congresso Judaico Mundial (CJM) reuniu-se esta semana em Londres para seu encontro anual, com o objetivo de definir a agenda da entidade para o próximo ano, incluindo resoluções políticas em nome das 100 comunidades judaicas do mundo representadas pela organização. O presidente da Conib, Fernando Lottenberg, que é também vice-presidente do CJM, participou do evento, junto a Chella Safra, tesoureira do CJM, e Jack Terpins, membro do Comitê Permanente da entidade.

O Comitê aprovou resoluções sobre os seguintes temas: neonazismo, Muro das Lamentações (exigindo acesso ao local para todas as correntes do judaísmo), conversões, circuncisão e abate Kosher (que sofrem ameaça de proibição em alguns países europeus), Declaração Balfour e UNESCO.

O presidente do Congresso, Ronald S. Lauder, afirmou que o principal objetivo da entidade nos próximos será o aumento da união entre os judeus, como parte dos esforços globais para garantir a segurança e a identidade das comunidades judaicas, em face do crescente antissemitismo.

"Nosso objetivo mais importante é reparar as divisões e construir a união - independentemente das denominações religiosas ou afiliações políticas", destacou.

No âmbito do encontro anual, o presidente da Câmara dos Comuns britânica, John Bercow, disse aos membros do Comitê Executivo que as ameaças contra a comunidade judaica no Reino Unido, na Europa e no mundo não podem ser recebidas com complacência.

"Ainda há pessoas que negam o Holocausto ou se glorificam nele, sustentando Adolf Hitler como uma grande figura da história", disse Bercow. "Portanto, não devemos ser paranoicos, mas igualmente não podemos ser complacentes. Existe uma ameaça para os judeus e para a segurança judaica neste país e, na verdade, na Europa e em todo o mundo".

 "A importância da história judaica, da cultura judaica, da identidade judaica e, que fique claro, da segurança judaica, física e política, dificilmente poderá ser exagerada”, prosseguiu.

"O trabalho que vocês fazem é de uma importância que não pode ser exagerada. Quero que saibam que vocês têm amigos em nosso Parlamento e, certamente, neste orador", concluiu Bercow.
 


Fernando Lottenberg com participantes do encontro do CJM. Foto: Divulgação.


Na Abadia de Westminster. Foto: Moked.


Mesa de trabalho do Comitê Executivo do CJM. Foto: Moked.


O presidente da Conib, Fernando Lottenberg. Foto: Divulgação.





Comentários


Últimas do blog

Vídeos