Claudio Lottenberg fala dos planos para a Conib em live com Eurípedes Alcântara

O presidente da Conib, Claudio Lottenberg, foi entrevistado pelo jornalista Eurípedes Alcântara em evento via Zoom, na noite desta terça (1). O encontro foi promovido pelo grupo Novas Gerações, do Congresso Judaico Latino-Americano (CJL).

A entrevista girou em torno dos planos da nova gestão da Conib. Claudio falou de sua participação na vida comunitária desde cedo, da inspiração que recebeu do pai e de seu trabalho no Hospital Albert Einstein.

Sobre sua gestão na Conib, a segunda à frente da instituição guarda-chuva da comunidade judaica brasileira, ele ressaltou a importância de promover a vida judaica no Brasil e lutar contra o antissemitismo, a banalização do Holocausto e a deslegitimação de Israel, assinalando que hoje o antissemitismo está travestido de antissionismo.

Lottenberg frisou também que não volta a trabalhar na mesma Conib, porque, mesmo que se defenda os mesmos valores da instituição, fundada há mais de 70 anos, o pano de fundo hoje, em um mundo de forte presença digital e politicamente polarizado, é completamente distinto daquele que havia durante a sua primeira gestão. “Não é dirigir a mesma Conib, mas trabalhar pelos mesmos interesses e preservar os mesmos valores, dentro de um cenário e dinâmica internacional distintos do que tínhamos seis anos atrás”.

Indagado por Eurípedes, sobre o cenário online, onde imperam as fake news, o presidente da Conib destacou a importância da comunicação, de se fazer presente nas mídias digitais e de trabalhar de maneira consistente na qualidade da informação. “Esse cenário de fake news é um problema. Como você pode evitar isso? É assumindo protagonismo quase que instantâneo, diário e permanente, de maneira a conferir um cenário de credibilidade”, afirmou Cláudio.

Acompanharam a conversa, Abraham Goldstein, Boris Ber, Jack Terpins, Mario Fleck, Daniel Bialski, vice-presidente da Conib, Sergio Niskier, Marcos Brafman, entre outros.