Comitê Israelita do Amazonas festejou os seus 90 anos com jantar em Manaus

Os 90 anos de existência do Comitê Israelita do Amazonas (CIAM) foram celebrados em 18 de junho com um jantar no clube Hebraica de Manaus. A diretora executiva Karen Didio Sasson representou a Conib no evento, que teve significativa presença da comunidade e conta com famílias tradicionais como Benchimol, Benzecry , Assayag e Dahan.

Anne Benchimol, da Diretoria do CIAM, fez uma belíssima apresentação histórica do CIAM desde sua criação até os dias de hoje. Além dela, falaram à plateia a diretora executiva da Conib e o Presidente do CIAM, Benjamin Benchimol, que agradeceu a presença de todos.

Completam-se 200 anos da imigração judaica na Amazônia, com imigrantes vindos do Marrocos, que inicialmente foram para Belém, depois para o interior do Amazonas e, então, para Manaus. Em 15 de junho de 1929, foi fundado o CIAM para representar a comunidade judaica na Amazonas.

A festa contou com um cardápio de comidas típicas sefaraditas e peixes da região amazônica e a animação foi garantida pela banda que tocou músicas do repertório judaico. “Muito estimulante perceber o quanto esta comunidade mantém nossas tradições e uma vida comunitária pujante. Os judeus têm convivido harmonicamente com as demais religiões no Amazonas, cristãos, católicos , protestantes, muçulmanos entre outras. Prova disto foi a simpática presença do presidente da Comunidade Muçulmana, Walid Sale, na comemoração”, disse Karen.