Conib cumprimenta o ministro Celso de Mello por sua “incansável defesa da democracia e dos direitos humanos”

A Confederação Israelita do Brasil (Conib) enviou oficio ao ministro Celso de Mello, que ontem se despediu das sessões do STF, cumprimentando-o pela “defesa incansável da democracia e dos direitos humanos” e por suas observações “sobre o extravasamento dos limites da pesquisa histórica por determinadas publicações, que insultam e pregam o ódio público pelos judeus, e, assim, perdem a proteção da liberdade de expressão, punindo-se a manifestação de opiniões que indicam a intenção de discriminar raça, credo ou segmento social”. “Vimos assim cumprimentá-lo, agradecendo sua dedicação ao serviço público e subscrevendo-nos com o nosso cordial Shalom”, diz o documento assinado pelo presidente da Conib, Fernando Lottenberg e pelo secretário-geral da instituição, Eduardo Wurzmann. Veja abaixo a íntegra do documento:

Exmo. Sr.
Dr. Celso de Mello
D.D. Ministro do Supremo Tribunal Federal
Senhor Ministro

A Confederação Israelita do Brasil, representante da comunidade judaica brasileira vem, por ocasião de sua aposentadoria, cumprimentá-lo por sua dedicação permanente, ao longo destes anos na mais alta corte do país, em especial na defesa incansável da democracia e dos direitos humanos. Recordaremos de forma indelével seu voto, proferido no chamado “Caso Ellwanger”, no qual V. Exa. destacou a Declaração Universal dos Direitos da Pessoa Humana, promulgada pelas Nações Unidas em 1948, quando os Estados membros reconheceram os atos hediondos cometidos pelos regimes nazifascistas. Relevantíssima a observação, na oportunidade, sobre o extravasamento dos limites da pesquisa histórica por determinadas publicações, que insultam e pregam o ódio público pelos judeus, e, assim, perdem a proteção da liberdade de expressão, punindo-se a manifestação de opiniões que indicam a intenção de discriminar raça, credo ou segmento social. Vimos assim cumprimentá-lo, agradecendo sua dedicação ao serviço público e subscrevendo-nos com o nosso cordial

Shalom,
Fernando K. Lottenberg – Presidente
Eduardo Wurzmann – Secretário Geral