Conib e Associação Israelita Catarinense firmam acordo com Procuradoria Geral de Santa Catarina para coibir atos antissemitas e de intolerância

A Conib e a Associação Israelita Catarinense realizaram ontem, 8 de setembro, uma reunião com a Procuradoria Geral de Santa Catarina, com a finalidade de firmar um acordo de cooperação entre as instituições com o objetivo de facilitar a adoção de medidas contra atos antissemitas, de intolerância, discriminação e racismo. Estiveram presentes na reunião o presidente e o Diretor de Segurança Institucional da Conib, Fernando Lottenberg e Octavio Aronis, respectivamente; o Presidente da AIC, Sergio Iokilevitc; o Procurador-Geral de Justiça, Fernando da Silva Comin e o Procurador de Justiça Gilberto Callado de Oliveira.

O acordo, ainda a ser assinado, é um acontecimento inédito para as instituições judaicas e deve facilitar a adoção de medidas contra atos antissemitas, de intolerância, discriminação e racismo no estado de Santa Catarina, que se deparou com muitos incidentes desta magnitude nos últimos anos.

“Estamos muito orgulhosos em assinar este acordo. Ele trará muitas melhorias para a comunidade judaica local e é um passo mais próximo de garantirmos o respeito e a convivência harmônica na sociedade brasileira”, disse Octavio Aronis.

A nova cooperação também se compromete com a criação de conteúdo para engajar a sociedade local em debates e palestras sobre direitos humanos, diversidade e discurso de ódio, além da disseminação de ferramentas que facilitem a denúncia destes discursos, especialmente online.