Conib e Fisesp condenam comparação do Holocausto com o Coronavírus

A Conib e a Fisesp emitiram nota, neste sábado (11), condenando as declarações da médica Nise Yamaguchi comparando a tragédia do Holocausto com a pandemia do coronavírus.

Veja abaixo a nota na íntegra:

Conib e Fisesp condenam comparação do Holocausto com o Coronavírus

São Paulo, 11 de julho de 2020

São deploráveis as declarações da médica Nise Yamaguchi comparando a tragédia do Holocausto, que causou a morte de 6 milhões de judeus inocentes, além de outras minorias, com a atual pandemia do coronavírus. Comparações desse tipo não têm qualquer fundamento, minimizam os horrores do nazismo e ofendem a memória das vítimas, dos sobreviventes e de suas famílias.

A politização da medicina só contribui para a disseminação desta pandemia. Nosso total apoio ao Hospital Israelita Albert Einstein, referência médico-hospitalar de nosso país e orgulho da comunidade judaica.

Confederação Israelita do Brasil

Federação Israelita do Estado de São Paulo