CONIB e FISESP repudiam com veemência entrevista com Lúcia Helena Issa na TV 247

A CONIB (Confederação Israelita do Brasil) e a FISESP (Federação Israelita do Estado de São Paulo) repudiam com veemência e estarrecimento a veiculação de uma entrevista intitulada: “Tráfico de mulheres brasileiras para Israel”, na TV 247. Na entrevista, a jornalista Lúcia Helena Issa divulga estereótipos antissemitas, teses conspiratórias e acusações sem nenhum fundamento contra Israel e o povo judeu dignas dos piores momentos da história do antissemitismo. É lamentável que esse tipo de discurso de ódio criminoso tenha plataforma em sites jornalísticos e esperamos que seus responsáveis repudiem estes ataques antissemitas.