Conib vê com preocupação relatos de envolvimento do PCC com Hezbollah no tráfico de armas e drogas

A Confederação Israelita do Brasil vê com muita preocupação os relatos de envolvimento do PCC com o Hezbollah no tráfico de armas e drogas.

Segundo matéria do jornal O Globo publicada neste domingo, documentos da Polícia Federal e do serviço de inteligência do Brasil apontam que traficantes ligados ao grupo terrorista Hezbollah formaram uma associação com integrantes do Primeiro Comando da Capital, o PCC. Relatórios da PF indicam que a sociedade começou a ser montada em 2006.

A Conib reitera sua confiança nas autoridades brasileiras no sentido de combater com máximo rigor a presença dessa organização terrorista em solo brasileiro e em nossas fronteiras.


Desfile de “militantes” do Hezbollah. Foto: Divulgação