Em nota, Itamaraty endossa plano de paz de Trump

O governo brasileiro emitiu nota nesta quarta-feira (29) em apoio ao plano de paz apresentado pelo presidente dos EUA, Donald Trump, para resolver o conflito entre palestinos e israelenses.

Na nota divulgada pelo Ministério das Relações Exteriores o governo “saúda o plano de paz e prosperidade” anunciado na terça-feira (28) pelo presidente americano, afirmando que ele configura uma “visão promissora para, após mais de sete décadas de esforços infrutíferos, retomar o caminho rumo à tão desejada solução do conflito israelense-palestino”.

“A proposta, que visa à convivência pacífica e viável, tanto do ponto de vista de segurança quanto territorial e econômico, do Estado de Israel e de um Estado palestino, constitui um documento realista e ao mesmo tempo ambicioso. Trata-se de iniciativa valiosa que, com a boa vontade de todos os envolvidos, permite vislumbrar a esperança de uma paz sólida para israelenses e palestinos, árabes e judeus, e para toda a região”, diz o documento divulgado pela chancelaria brasileira.

A Autoridade Nacional Palestina, porém, rejeitou o plano de Trump.

A nota do governo brasileiro foi divulgada pouco depois de o presidente Jair Bolsonaro ter se reunido com o embaixador de Israel no Brasil, Yossi Shelley.