Fisemg vai recorrer a medidas legais e judiciais contra uso de símbolo nazista em Inaí

A Federação Israelita do Estado de Minas Gerais (Fisemg) divulgou nota sobre o uso de uma braçadeira com uma suástica por um homem que estava em um bar na cidade de Inaí na madrugada do último sábado (14). Diz a nota:

“A Fisemg condena veementemente o uso da suástica, símbolo de uma ideologia antidemocrática, totalitária, racista e genocida; símbolo de uma concepção de Estado e de mundo que se choca frontalmente com os valores democráticos e humanitários do povo brasileiro; símbolo de uma ideologia que é contrária a cada um dos pilares mais fundamentais do ordenamento constitucional brasileiro e, por fim, símbolo de um período especialmente horrendo para o mundo democrático e para o povo judeu”.

“A Fisemg, representante da comunidade judaica mineira, informa que está adotando as devidas medidas legais e judiciais e que acompanhará o caso de perto, posto que, amparada pelas leis brasileiras, não tolerará qualquer apologia ao nazismo”, Federação Israelita do Estado de Minas Gerais.