Instituto Weizmann de Ciências é classificado novamente entre as dez maiores instituições de pesquisa do mundo

O Instituto Weizmann de Ciências foi classificado pelo segundo ano consecutivo entre as dez maiores instituições de pesquisa do mundo. Ficou novamente em 8º lugar no mundo pelo desempenho científico (Leiden Ranking) e foi classificado entre os 25 melhores institutos de pesquisa ou universidades do mundo por seu impacto científico (citações) e patentes concedidas pela U-Multirank 2021, uma iniciativa da Comissão Europeia.

O Instituto Weizmann está no topo do Ranking Leiden 2021, juntamente com instituições como Harvard, Stanford, Princeton, Berkeley, Rockefeller, MIT e Caltech. É também uma das duas únicas instituições fora dos Estados Unidos no top 10 – a outra é a École Polytechnique Fédérale de Lausanne (EPFL), Suíça, ocupando o nono lugar.

O Ranking Leiden é quantitativo, e os dados englobam o número de publicações, citações e informações sobre o tamanho das instituições. O ranking atual indica um aumento significativo na qualidade da pesquisa no Instituto Weizmann de Ciência nos últimos anos – do 17º lugar há pouco mais de uma década, para o oitavo lugar no ranking atual.

Outros números do Ranking Leiden 2021: 19% dos artigos de autoria dos cientistas do Instituto Weizmann foram classificados entre os 10% mais importantes para o impacto científico; Mais de 20% dos artigos de autoria dos cientistas do Instituto Weizmann nas Ciências Biomédicas e da Saúde foram classificados entre os 10% mais importantes para o impacto científico; 2,5% dos artigos científicos dos cientistas do Instituto Weizmann estavam no percentil superior dos artigos de impacto científico, e 65% deles estavam na metade superior dos artigos com maior impacto.

A U-Multirank, publicada anualmente desde 2014 de acordo com inúmeras variáveis, tem como objetivo promover a transparência e auxiliar os alunos na aplicação nas universidades para estudos e pesquisas.

O Instituto Weizmann de Ciências é um órgão de pesquisa multidisciplinar que abrange uma ampla exploração das ciências naturais e exatas. O Instituto oferece mestrado e doutorado em cinco faculdades. Cientistas do instituto estão avançando na pesquisa sobre o cérebro humano, inteligência artificial, ciência da computação e criptografia, astrofísica e física de partículas, doenças como o câncer, e abordando as mudanças climáticas através das ciências ambientais, oceânicas e vegetais.

Saiba mais

https://wis-wander.weizmann.ac.il/people-and-events/weizmann-institute-science-ranked-eighth-world-scientific-performance

https://www.leidenranking.com/

https://www.umultirank.org/