Médico israelense conta ao Jornal da Record como salvou a vida de líder do Hamas


Doutor Avraham Rivkind. Reprodução.

O doutor Avraham Rivkind, chefe do Centro de Traumatologia do Hospital Hadassah, um dos maiores de Israel, conta como salvou a vida, na década de 1990, de Hassan Salameh, um líder do Hamas. O terrorista, responsável por três atentados com homens-bomba em 1996, foi operado pessoalmente por Rivkind.

“Não sabia quem ele era. Operei-o como qualquer outro paciente. Acredito que ele deve sentir vergonha. Imagine: o líder do Hamas salvo por um judeu, em um hospital israelense em Jerusalém! Será que ele não mudou de ideais? Essa é uma ponte para a paz, por meio da medicina”, disse ele ao JR.

Ele esteve recentemente no Brasil.

Assista à reportagem.