Primeira rabina em 75 anos é ordenada na Alemanha

Pela primeira vez em 75 anos, informa a agência AFP, uma mulher foi ordenada rabina na Alemanha, selando mais um marco na retomada de uma comunidade devastada pelo Holocausto.

Alina Treiger, 31 anos, originária da Ucrânia, tornou-se rabina em 4 de novembro em uma sinagoga em Berlim, em cerimônia que contou com a presença do presidente da Alemanha, Christian Wulff.
A trajetória da jovem rabina é símbolo do dinamismo da comunidade judaica alemã, composta, em grande parte, por imigrantes da extinta URSS. 

Alina é a segunda mulher ordenada rabina na Alemanha. A primeira foi Regina Jonas, em 1935. Ela foi assassinada em Auschwitz, em 1944.

Veja entrevista de Alina à BBC, em espanhol. 

Leia mais sobre o tema e veja a entrevista em inglês.